Siga nossas redes sociais

Notícias

Prefeitura reabre o Telecentro: Curso de informática vai capacitar e preparar coqueirenses para o mercado de trabalho

Prefeita Decele falou sobre a importância da qualificação
Prefeita Decele falou sobre a importância da qualificação

Mais uma conquista que deve ser comemorada na gestão Decele Damaso. A Prefeitura reabriu o Telecentro e a partir de agora muita gente terá a oportunidade de realizar cursos de informática e garantir a capacitação necessária para o mercado de trabalho.

A aula inaugural do curso básico de informática aconteceu nesta quinta-feira, 5, no CIAPI. Para atender a demanda da população, as aulas acontecerão pela manhã, tarde e noite beneficiando, inicialmente, 48 coqueirenses que serão treinados por quatro instrutores.

A realização do curso, que terá duração de 7 semanas, é fruto da parceria entre as secretarias de Administração, do Trabalho e Assistência Social, responsáveis pelo planejamento e organização. Os interessados devem fazer a inscrição na sede do CRAS. "Vamos promover a inclusão digital capacitando pessoas que têm dificuldade de acesso à tecnologia da informação. Eles aprenderão a usar os aplicativos básicos de informática e a entrar na Internet, já aptos para o mercado de trabalho", explica a secretária Alessandra, da Assistência Social.

Inclusão digital
A reabertura do Telecentro só foi possível porque houve o empenho pessoal da prefeita Decele, que esteve duas vezes no Ministério da Ciência e Tecnologia, em Brasília. A gestão atual assumiu com o Telecentro fechado e ainda teria que pagar multa na ordem de R$ 70 mil. “Fomos a Brasília para resolver a situação. Fomos muito vem recebidos e os técnicos do Ministério perceberam que esta administração tem o compromisso não apenas de cuidar das pessoas, mas de qualificá-las para o mercado de trabalho. Assim, fomos atendidos e agora é trabalhar para formar o máximo de coqueirenses qualificados”, diz a prefeita Decele.

Os telecentros
São espaços sem fins lucrativos, de acesso público e gratuito às tecnologias da informação e comunicação, com computadores conectados à Internet, disponíveis para diversos usos. O acesso é livre, com assistência de monitores. “O objetivo principal é promover o desenvolvimento social e econômico das comunidades atendidas, reduzindo a exclusão social e criando oportunidades aos cidadãos”, explica o secretário de Administração, Luiz Reinaldo.

Galeria de Fotos
mais notícias
Acesso Rápido